Concurso Diplomata – Relações Exteriores: novo edital é confirmado! Até R$15mil

0
324

Excelente notícia! O Ministério das Relações Exteriores vai divulgar a abertura de concurso público (Concuso MRE) para Diplomata em breve. Acontece que em divulgação no Diário Oficial da União, o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), doravante Cespe/UnB, foi definida organizadora do próximo concurso do Instituto Rio Branco. A escolha foi através de dispensa de licitação.

Agora, a expectativa é que o contrato entre as partes seja assinado a qualquer momento, já que o certame será divulgado ainda este ano. Ainda não foi informado o cronograma oficial do certame.

O Concurso Diplomata – Relações Exteriores

Para concorrer a uma das vagas no concurso, será necessário ser brasileiro nato, conforme o artigo 12, § 3º, inciso V, da Constituição Federal e o artigo 36 da Lei nº 11.440/2006; estar no gozo dos direitos políticos; estar em dia com as obrigações do Serviço Militar, para os candidatos do sexo masculino; estar em dia com as obrigações eleitorais; apresentar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior, emitido por instituição de ensino credenciada pelo Ministério da Educação (MEC). No caso de a graduação ter sido realizada em instituição estrangeira, caberá exclusivamente ao candidato a responsabilidade de apresentar, até a data da posse, a revalidação do diploma exigida pelo MEC, nos termos do artigo 48 da Lei nº 9.394/1996; ter idade mínima de 18 anos; e nos termos do artigo 14, parágrafo único, da Lei nº 8.112/1990, apresentar aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, verificada por meio de exames pré-admissionais.

Nos termos do artigo 3º da Lei nº 11.440/2006, aos servidores da carreira de Diplomata incumbem atividades de natureza diplomática e consular, em seus aspectos específicos de representação, negociação, informação e proteção de interesses brasileiros no campo internacional. O salário é de R$ 15.005,26.

A lotação dos aprovados acontecerá em Brasília (DF). No entanto, as avaliações – como aconteceu em seleções anteriores -, devem ser aplicadas em Aracaju (SE), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Boa Vista (RR), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Macapá (AP), Maceió (AL), Manaus (AM), Natal (RN), Palmas (TO), Porto Alegre (RS), Porto Velho (RO), Recife (PE), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA), São Luís (MA), São Paulo (SP), Teresina (PI) e Vitória (ES).

Etapas do Concurso Diplomata – Relações Exteriores

O concurso de Diplomata 2017 deve contar com três fases, sendo a primeira composta de prova objetiva, constituída de questões do tipo CERTO ou ERRADO de Língua Portuguesa, Língua Inglesa, História do Brasil, História Mundial, Política Internacional, Geografia, Noções de Economia, e Noções de Direito e Direito Internacional Público, de caráter eliminatório, que habilitará os candidatos a se submeterem às fases seguintes; a segunda fase de prova escrita de Língua Portuguesa, de caráter eliminatório e classificatório; e a terceira fase de provas escritas de Língua Inglesa, História do Brasil, Política Internacional e Geografia, Noções de Economia, Noções de Direito e Direito Internacional Público, e prova objetiva de Língua Espanhola e Língua Francesa, de caráter eliminatório e classificatório.

Último Concurso Diplomata – Relações Exteriores

O último concurso do Instituto Rio Branco foi divulgado em 2016, quando contou 30 vagas para o cargo de Diplomata. A seleção também contou com a organização do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

Fonte: Noticias Concursos

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here