‘A população sofrerá por conta da ganância da elite’ Por Samuel Costa

Anúncio

A classe política violou sem escrúpulos direitos e garantias fundamentais e nos próximos dias a vítima será a “Previdência”​ e tem gente que ainda fica por aí como papagaio de pirata repetindo os discursos da mídia financiada pelas grandes corporações nacionais e internacionais.

O brasileiro culturalmente não gosta de política e por seguinte não participar das discussões sobre temas que deveriam ser tratados como prioridade, pergunte a si mesmo se não houver constrangimento é claro!

Quantas vezes acompanhei votações nas casas de lei seja no âmbito municipal, estadual ou federal? Já participei de audiências públicas para tratar de interesse da coletividade?

A grande verdade é que na maioria das vezes involuntariamente elegemos parlamentares ligados diretamente ao mercado financeiro e a iniciativa privada para cuidar do interesse público.

O mais interessante é que a Câmara dos Deputados aprovou em primeira votação o verdadeiro desmando contra os trabalhadores, através da PEC06/2019 que trata sobre o “Desmonte da Previdência Social”.

Percebemos uma verdadeira alienação do povo que em boa parte se atém somente na política do (pão e circo), resultando no profundo analfabetismo político. Não há repúdio e indignação no nível que deveria ser, por outro lado alguns deputados federais agem com perversidade tornando esses em verdadeiros canalhas como bem frisou o saudoso Ulisses Guimarães: “Traidor da Constituição é traidor da Pátria. Conhecemos o caminho maldito: rasgar a Constituição, trancar as portas do Parlamento, garrotear a liberdade, mandar os patriotas para a cadeia, o exílio, o cemitério”, disse Ulysses Guimarães em seu discurso emocionado e profundo no dia da promulgação da CRFB/88.

Para não ser prolixo, compartilho com vocês essa frase que tem pouco mais de 150 anos, resume tudo sobre a PEC06/19 que ainda tramita no congresso nacional.

“Libertei mil escravos e poderia ter libertado outros mil, se eles soubessem que eram escravos”, de Harriet Tubman.

Samuel Costa milita em causas sociais é Professor, Jornalista, Mestrando em Educação e pai da Sofia Costa.

Deixe seu Comentário