Cabo da PM pega quase 60 anos por mortes em bar da capital

O caso aconteceu em um bar na Rua Vila Mariana, bairro Marcos Freire, zona Leste de Porto Velho (RO)

Foto: Divulgação
Anúncio

Terminou na madrugada desta quarta-feira (29) no Fórum Criminal do Tribunal do Júri o julgamento do cabo PM Josevânio da Silva Oliveira, 39, Ele foi condenado a 54 anos pelas mortes de três pessoas e tentativa de assassinato contra outras três. Os crimes correram em um bar na madrugada do último dia 06 de janeiro. O policial já está preso
desde 10 de janeiro.

O caso aconteceu em um bar na Rua Vila Mariana, bairro Marcos Freire, zona Leste de Porto Velho (RO). A sentença de pronúncia foi proferida pelo juiz da 2ª Vara do Tribunal do Júri da comarca de Porto Velho, José Gonçalves da Silva Filho.




O crime

Testemunhas contaram para os policiais que o dono da distribuidora de bebidas, Agenor da Silva, 39, e o cabo tiveram um desentendimento e o militar sacou a arma e começou a efetuar vários tiros, atingindo o próprio Agenor e ainda as vítimas Leandro de Souza Cardoso, 33 anos, Valdemir Jesus dos Santos, 36 anos, Erivelton da Silva Magalhães, 25 anos, Vadico da Silva, 42 anos e Cátia Valéria Ana Cavalieri, 41 anos, baleada no braço. Populares conseguiram tomar a arma do policial e o agrediram a pauladas.

Foram mortos Erivelton da Silva, Vadico da Silva e Valdemir de Jesus dos Santos.

 

Fonte: RONDONIAOVIVO

Comentários