Dono de antigo supermercado é preso mais uma vez por estupro

O homem já havia sido preso pelo mesmo crime no final do ano de 2017, mas conseguiu recorrer em liberdade, usando tornozeleira eletrônica

Foto: Divulgação

José Edimar de S., 65, foi preso por policiais civis do 1° DP e Polinter (Polícia Interestadual) na quinta-feira (26) em uma chácara na BR-319, após a ponte do rio Madeira, em Porto Velho (RO).

O homem já havia sido preso pelo mesmo crime no final do ano de 2017, mas conseguiu recorrer em liberdade, usando tornozeleira eletrônica.

Após o recurso não ser aceito, ele rompeu a tornozeleira e fugiu. José Edimar foi condenado a 24 anos de prisão e era proprietário do antigo supermercado Canadá na capital.Dono dos extintos mercados Souza e Canadá. José Edimar foi condenado por pagar por programas sexuais com menores, principalmente estudantes que eram aliciadas por duas mulheres.

O empresário mantinha uma casa na zona Sul da cidade para realizar os encontros sexuais e pagava até R$ 500 por programas.


Fonte: RONDONIAOVIVO