Léo Moraes vai cobrar solução para problema da Energisa em Audiência com ministro

“Irei participar dessa importante Audiência Pública e convido a população pra se fazer presente também", disse Léo Moraes

Foto: Assessoria
Anúncio

O deputado federal Léo Moraes (PODE) firmou seu compromisso com a comunidade rondoniense em cobrar uma resposta sobre o que pode ser feito para resolver o grave problema das altas tarifas e serviços abusivos promovidos pela Energisa no estado de Rondônia, durante a Audiência Pública que será realizada nesta sexta-feira (4) em Porto Velho que terá a participação do ministro de Minas e Energia, Almirante Bento Albuquerque.

Essa audiência terá como tema central a exploração de minérios indígenas e comercialização e exportação de minérios, porém, de acordo com o Léo Moraes é inaceitável que os representantes públicos rondonienses não aproveitam o momento para cobrar diretamente ao ministro uma posição do Governo em relação a essa situação, que vem atormentando a população rondoniense.

“Eu não poderia me omitir e deixar de expressar a minha opinião, e, portanto, no que pese se tratar de um assunto também muito importante, deveríamos aproveitar a presença do ministro, para estender nossa reinvindicação no caso da Energisa, que traz um prejuízo imediato muito maior pra todos nós”, afirmou o deputado Léo Moraes.

Convite negado

Léo Moraes ainda informou à comunidade que recebeu o convite de vir para a cidade de Porto Velho no avião do Governo que irá trazer o ministro e outras autoridades, porém, decidiu não utilizar essa benesse.

“Apesar de não ser o deputado proponente da audiência, fui convidado a vir de Brasilia para Rondônia no avião oficial da FAB juntamente com o ministro e outras autoridades, mas, não acho razoável ter o privilegio apenas para demonstrar simpatia com o governo ou ministério, sendo que meu estado está sofrendo muito diante da negligência da Aneel, do Ministério de Minas e Energia e incompetência da Energisa”, disse Léo Moraes.

Protesto confirmado

Representantes da sociedade civil organizada estão se mobilizando para a realização de um ato em protesto à Energisa no local onde acontecerá a Audiência com o ministro. Para Léo Moraes a manifestação é válida e mostra a insatisfação da comunidade.

“Irei participar dessa importante Audiência Pública e convido a população pra se fazer presente também e deixar claro que não é apenas um agente político que está insatisfeito, mas o povo de Rondônia que não suporta mais o que acontece no nosso estado. Um total descumprimento ao contrato e desrespeito a população”, finalizou.

A Audiência Pública está prevista para começar às 08h na sede do IFRO da avenida Calama em Porto Velho.


Fonte: Assessoria

Comentários