Mulher que acusa Neymar de estupro é intimada duas vezes, não comparece e irrita delegada

Reprodução Varela Notícias / Governo do Estado de SP
Anúncio

As acusações de abuso que pesam contra Neymar têm sido um dos assuntos mais comentados dos últimos dias. Na sexta-feira, uma mulher foi à 6ª delegacia da defesa da mulher, em São Paulo, para registrar boletim de ocorrência.

Ela acusa o craque da seleção brasileira e do Paris Saint-Germain de ter abusado dela. Os abusos teriam ocorrido em Paris, para onde ela viajou para encontrar Neymar.




Diante das acusações, o jogador se manifestou no sábado (1º) e divulgou um vídeo, posteriormente apagado pelo Instagram, em que mostravam as mensagens trocadas com a mulher.

Nesta terça, a Folha de S. Paulo divulgou que a mulher foi intimada duas vezes para depor na 6ª delegacia e não compareceu. A primeira convocação foi para segunda, às 14h. A segunda foi terça, às 18h. Ela não foi, nem deu satisfação pelas ausências.

A advogada da mulher também não encontrou com a delegada Juliana Lopes Bussacos, que é responsável pelo caso na 6ª delegacia. O primeiro advogado deixou o caso após a mulher das versões diferentes para ele e para a polícia.




Diante das ausências, a delegada ficou irritada e teria tomado uma atitude: vai tomar providências, ainda não explicadas, nesta quarta. Pode ser que haja uma nova convocação para prestar esclarecimentos que são necessários para a continuação da investigação.

Um dos pontos que estaria irritando a delegada é que, com a repercussão do caso e presença da imprensa na porta da delegacia, mulheres estão constrangidas de irem ao local apresentar queixas. O movimento teria caído nos últimos dois dias.

 

Fonte: 1 News

Comentários