Por 8 votos contra e 1 a favor Câmara Municipal arquiva o afastamento do prefeito de Rolim de Moura

Foto: Assessoria
Anúncio

A Câmara de Vereadores de Rolim de Moura rejeitou por 8 x 1 o pedido de impeachment apresentado na semana passado pelo vereador Renato Morari. Conforme prevê o regimento interno da câmara, a suplente Mayara Kalb foi convocada para participar da sessão, pois o denunciante não pode votar, uma vez que já protocolou a denúncia.

A denúncia foi apresentada na semana passada, caso a câmara acatasse o pedido do vereador Renato, o prefeito Luiz Ademir Schock (Luizão do Trento) seria afastado imediatamente do cargo, mas por entender que o pedido apresentando não tinha embasamento para afastar o prefeito do cargo, a maioria absoluta dos parlamentares optou por arquivar.

A sessão exclusiva para analisar o pedido de impeachment foi longa. Um relatório de aproximadamente 200 páginas foi lido pela secretaria da casa para que o público e cada vereador pudesse entender do que se tratava a denúncia, e em seguida a mesa diretora colocou o pedido em votação que foi rejeitado pelo plenário da Câmara Municipal.

Fonte: Decom – Prefeitura de Rolim de Moura

Comentários