Sentença de Moro sobre Lula pode sair na reta final da eleição

Ex-presidente é investigado por reformas em sítio e processo pode ser concluído em outubro

Anúncio

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é alvo de um processo que investiga reformas no sítio de Atibaia realizadas por empreiteiras. A conclusão pode ser dada em outubro pelo juiz Sergio Moro, período da reta final das eleições presidenciais, segundo destaca a colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

O processo ainda prevê o depoimento de duas testemunhas de defesa do petista: Dilma Rousseff (PT-MG) e o cantor Gilberto Gil. Já o ex-presidente Lula será ouvido no dia 11 de setembro, data já agendada e divulgada por Moro.

Os empresários Emílio, Marcelo Odebrecht e Leo Pinheiro vão depor no final de agosto e no começo de setembro. O advogado Roberto Teixeira e o dono do sítio, Fernando Bittar, também prestará depoimento em semtebro.

A seguir, o juiz deve abrir o prazo para as alegações finais de acusação e defesa. Se não houver diligências adicionais, Moro dará a sentença em outubro. A coluna recorda que o primeiro turno do pleito será no dia 7 e o segundo, no dia 28.

Deixe seu Comentário