SUBCOMISSÃO QUE IRÁ FISCALIZAR AS AGÊNCIAS REGULADORAS APROVA PLANO DE TRABALHO

Foto: Assessoria

Nessa semana, a Subcomissão Especial de Agências, relacionada à Comissão de Minas e Energia, se reuniu na Câmara dos Deputados, para delibar a respeito do plano de trabalho para fiscalizar a atuação das Agências Reguladoras.

Presidida pelo deputado Léo Moraes (PODE-RO), a Subcomissão traçou planos de trabalho para ajudar na regulação do Setor Elétrico Brasileiro. Em sua página do facebook, (@deputadoleomoraes), o parlamentar criticou duramente a atuação das Agências.

“Parece que somos vítimas de uma organização criminosa direcionada a lesar o bolso do contribuinte. A ANEEL desrespeita toda a população brasileira! Vocês já perceberam que as Agências Reguladoras só agridem a população?”, questionou Léo Moraes.

A indignação do deputado rondoniense, se dá principalmente por causa da alta taxa de energia cobrada no Estado de Rondônia. A tarifa convencional no Estado custa R$ 0,618/kWh, ao passo que a tarifa média no Brasil é somente R$ 0,548/kWh. Desde de o início do ano, o aumento no custo energético já provocou vários protestos em Rondônia.

O Deputado Léo Moraes é membro titular da Comissão Especial para propor o Código Brasileiro de Energia Elétrica. A Comissão foi instalada no dia 27 de agosto e tem como objetivo destravar o setor desde a geração, produção e distribuição de energia de todos os modais: petróleo, biomassa, eólica, fotovoltaica e outros.


Fonte: Assessoria