Bar é incendiado por índios logo após confusão que quase termina em morte

Anúncio

O fato aconteceu na noite de quinta-feira 09, em um bar, conhecido como “Bar do Brizola”, na linha 78, zona rural de Ji-Paraná próximo ao distrito de Nova Colina. De acordo com informações, a vítima Enoque Mandera Gavião, de origem indígena da tribo Gavião, foi até o bar do Brizola juntamente com sua esposa para conseguir um pouco de gasolina.

Ao se aproximarem do estabelecimento, que estava fechado e com as luzes já apagadas, a motocicleta de Enoque começou a falhar. Nesse momento, o comerciante pensou que se tratava de um roubo e ordenou que o motociclista não avançasse mais.

O índio e sua esposa não obedeceram e continuaram seguindo em direção do comerciante, que acabou realizando vários disparos na direção do casal, com uma espingarda, atingindo o indígena.

Logo em seguida, ao perceber que não se tratava de ladrões, o comerciante e sua família fugiram do local com medo de represálias.

Após os fatos, o índio baleado foi socorrido por populares ao HM de Ji-Paraná e um grupo de indígenas começaram a quebrar todo o comércio. Em seguida, o grupo ateou fogo, queimando completamente o bar.

Várias guarnições de Rádio Patrulha se deslocaram para o local e resgataram a família do comerciante. Por se tratar de índios, a PM acionou a Polícia Federal, mas eles não compareceram no local.


Fonte: COMANDO 190

Deixe seu Comentário