Campanha de vacinação contra a gripe inicia com cuidados reforçados em Porto Velho

Quem tomou a vacina contra a Covid-19 deve esperar um intervalo de pelo menos 14 dias

Foto: Divulgação
Anúncio

A campanha de Vacinação contra a gripe começou na segunda-feira (12) em Porto Velho e, por conta da pandemia (Covid-19), o esquema de vacinação neste ano acontece com cuidados reforçados.

Segundo a gerente de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), Elizeth Gomes, neste primeiro momento, cinco grupos prioritários serão contemplados: crianças de 6 meses a menores de 2 anos, gestantes, puérperas, indígenas e trabalhadores de saúde.

A partir de hoje, crianças de 6 meses a menores de 2 anos e as gestantes serão atendidas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) no período da manhã. No período da tarde, as UBSs são dedicadas exclusivamente a atendimentos voltados à Covid-19.

Conforme o calendário do Ministério da Saúde (MS), a vacinação começará com o grupo de crianças a partir dos 6 meses e será estendida para as outras faixas etárias até chegar aos 6 anos de idade. “Estamos pensando em todos os cuidados para evitar aglomeração nas unidades de saúde, então vamos fazer essa vacinação por partes”, explicou Elizeth.

Para os profissionais de saúde, segundo a gerente de imunização, será disponibilizado um formulário para que, com base no preenchimento, possa ser programado um dia específico de vacinação para este grupo.

RECOMENDAÇÕES

Quem tomou a vacina contra a Covid-19 deve esperar um intervalo de pelo menos 14 dias

Seguindo a recomendação do Ministério da Saúde (MS), a prioridade nesse momento é a vacina contra o coronavírus. “Temos a recomendação de que não seja feita a aplicação das vacinas contra a Covid-19 e contra a influenza de forma conjunta. Neste momento, a prioridade é a vacina contra a Covid-19, então se você faz parte do grupo da atual ação, seja primeira ou segunda dose, se imunize contra a Covid e depois contra a gripe”, explicou.

Segundo o MS, nesses casos é recomendado um intervalo de pelo menos 14 dias entre uma vacina e outra.

De acordo com a Semusa, o município de Porto Velho tem ao todo 17.610 doses para vacinação contra a gripe, com exceção dos indígenas que serão atendidos em 100%, os demais grupos têm, nesse primeiro momento, 25% do total de doses destinadas a cada grupo prioritário.

Outros grupos serão atendidos posteriormente, os chamamentos para os demais serão feitos pelos canais oficiais da Semusa. A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe segue até o dia 9 de julho.


Fonte: Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Deixe seu Comentário