Ministro da Saúde do Chile demitido após polémica com número de mortes

O Presidente do Chile, Sebastián Piñera, demitiu hoje o ministro da Saúde, depois de uma investigação jornalística revelar que os números de mortes pela covid-19 poderão chegar aos cinco mil

Foto: Divulgação
Anúncio

“Todos sabemos que a melhor maneira de enfrentar a pandemia é com unidade, com diálogos e acordos”, disse o Presidente conservador, amigo íntimo de Mañalich.

Piñera designou para o lugar do agora ex-ministro da Saúde chileno Enrique Paris, ex-presidente do Colégio Médico do Chile e figura reconhecida no país, onde o novo coronavírus está em plena expansão, mesmo estando a capital em quarentena há um mês.

Segundo o balanço oficial, o Chile conta com 167.355 infetados e 3.101 mortos por covid-19.


Fonte: NOTÍCIAS AO MINUTO

Comentários