Mulher morre com tiro na cabeça após discussão em condomínio

De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher teria discutido com o marido, que é policial militar

Foto: Divulgação
Anúncio

A tragédia foi registrada no início da madrugada desta terça-feira (15) em uma residência do condomínio Gardenia, no Bairro Novo, na BR-364, em Porto Velho (RO). Manuela Melo Santana, morreu após atirar na própria cabeça.

De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher teria discutido com o marido, que é policial militar. Em seguida, ela teria entrado no quarto do casal, pego a arma do marido que estava em uma gaveta e atirado na própria cabeça.

Quando uma guarnição da PM chegou ao local, encontrou o policial na cama com a mulher, ele com um pano tentava estancar o sangue da cabeça da vítima.

Em desespero, o policial perguntava pela ambulância para socorrer a esposa, pois já havia sido acionada. Um dos militares telefonou para o Samu novamente e a atendente disse que a ambulância não tinha saído para ir ao local porque uma mulher ligou fazendo o cancelamento do socorro.

Foi então explicado que necessitava sim de ambulância, pois a vítima estava baleada na cabeça. Quando a equipe médica chegou ao local, a mulher já estava morta.

O policial militar, marido da vítima, ainda foi levado para a Central de Flagrantes pelo suposto descuido na cautela do armamento, mas foi liberado em seguida pelo delegado de plantão. O corpo da mulher foi removido ao IML.


Fonte: RONDONIAOVIVO

Deixe seu Comentário