Patrão liga para a polícia e diz que funcionário foi morto a tiros

Os policiais tentaram colher informações sobre como aconteceu o crime, mas ninguém soube dizer

Foto: Ilustrativa
Anúncio

O assassinato foi registrado por volta das 23h30 da noite de terça-feira (07) na Rua São João Batista, distrito de Extrema, em Porto Velho (RO). André Domingos da Silva, 30 foi executado a tiros.

A Polícia Militar foi acionada pelo patrão da vítima afirmando que o funcionário tinha sido baleado e morto. Quando os militares chegaram, André estava caído na rua e já sem vida.

Os policiais tentaram colher informações sobre como aconteceu o crime, mas ninguém soube dizer. A Polícia Civil seguirá nas investigações. O corpo do rapaz foi removido ao IML de Porto Velho.


Fonte: RONDONIAOVIVO

Deixe seu Comentário