Peru: Mais de 16 mil pessoas presas por ignorarem distanciamento social

Face ao número elevado de detenções, o governo peruano está ponderando aplicar multas a quem reincidir no incumprimento das medidas de distanciamento social

Foto: Divulgação
Anúncio

Desde que foram impostas as medidas de distanciamento social no Peru, de forma a conter a propagação da Covid-19, mais de 16 mil pessoas já foram presas pelas autoridades, informou a BBC.

No entanto, face ao elevado número de detenções o governo peruano está considerando aplicar multas a quem reincidir neste comportamento.

O presidente do Peru, Martín Vizcarra, declarou o estado de emergência no Peru no passado dia 15 e impôs o confinamento obrigatório durante a noite, mais precisamente entre as 20 horas e as 5 horas.

Apesar de apenas estar previsto que possam sair de casa para comprarem bens-essenciais ou para irem ao hospital, muitos peruanos têm ignorado as ordens do governo.

Na capital Lima, por exemplo, não faltam relatos de pessoas que de forma aberta recusam cumprir o distanciamento social obrigatório, e bebem nas ruas ou jogam futebol.

Até ao momento foram registrados 480 casos de infecção no Peru e morreram nove pessoas.


Fonte: NOTÍCIAS AO MINUTO

Deixe seu Comentário