Estelionatário “inova” em golpe do WhatsApp em Cerejeiras, usando foto da vítima; mulher registrou queixa na polícia

Adolescente teve foto baixada e usada em golpes digitais

Foto: Divulgação
Anúncio

Uma mulher apresentou uma denúncia que mostra um novo modo de atuação de golpistas que usam a tática do “celular clonado” em Cerejeiras. A denúncia foi registrada na delegacia de Polícia Civil do município nesta segunda-feira, 15.

Segundo a denunciante, um golpista baixou uma foto da filha dela, uma menor de idade, e está usando a imagem da adolescente num número de WhatsApp para aplicar golpes – como pedir dinheiro para parentes da vítima clonada.

O que há de “inovador” neste golpe é que não houve, necessariamente, uma clonagem do WhatsApp da vítima e sim a abertura de uma nova “conta” no aplicativo de mensagens. Ou seja, os familiares da pessoa clonada pensarão que a vítima apenas trocou de número de celular.

Até o fechamento desta reportagem, não foram divulgadas informações se o estelionatário foi punido pela tentativa de extorsão e se algum familiar da vítima tenha caído no golpe.


Fonte: Folha do Sul

Deixe seu Comentário