Homem é preso por manter ex-companheira em cárcere privado por duas semanas

Durante esse período, a mulher foi constantemente ameaçada e forçada a manter relação sexual com o suspeito

(Ilustrativa/Ednilson Aguiar/O Livre)
Anúncio

Um homem de 49 anos foi preso nessa quarta-feira (6) por manter sua ex-companheira, de 31 anos, em cárcere privado em uma casa em Juara (700 km de Cuiabá), por duas semanas.

Segundo a Polícia Civil, a mulher tinha medida protetiva contra o ex-companheiro, mas ele pediu para ver a filha dos dois e ela atendeu ao pedido.




Chegando ao local combinado, porém, ela foi feita refém por duas semanas. Durante esse período, a mulher foi constantemente ameaçada e forçada a manter relação sexual com o suspeito.

Ela somente foi resgatada nessa quarta-feira (6), quando o suspeito foi preso em flagrante pelo cárcere privado.




Após a prisão, os policiais constataram que ele já tinha um mandado de prisão em aberto, de São José do Rio Claro (295 km de Cuiabá), por descumprimento de medida protetiva.

Por fim, ele foi encaminhado para a unidade prisional de Juara, onde ficou à disposição da Justiça.


Fonte: O LIVRE – Com Assessoria

Deixe seu Comentário