Sem-terras são acusados de incendiar casas em fazenda após reintegração de posse

Três aparelhos de ar condicionado, armário de cozinha, geladeira, fogão e botija de gás foram furtados

Foto: Divulgação
Anúncio

Um grupo de sem terras são acusados de atear fogo em casas de uma área rural no distrito de Nova Pimenta, no sábado (15). O caso aconteceu na fazenda Duas Meninas, que fica há 45 quilômetros do distrito do Guaporé, na Estrada do Apertado. O ato aconteceu após uma reintegração de posse da área.

Os integrantes do movimento haviam invadido a propriedade há algumas semanas, mas a Justiça de Rondônia ordenou que eles deixassem o local para que fosse feita uma reintegração de posse, que contou com o apoio da Polícia Militar para retirar os ocupantes.

A ação da Justiça gerou revolta e a invasão aconteceu como resposta à determinação de retirada dos sem-terra. Pessoas do grupo voltaram ao local e incendiaram duas casas, além de furtar três aparelhos de ar condicionado, armário de cozinha, geladeira, fogão e botija de gás.

Ao saber do crime, o responsável pela fazenda foi ao local e encontrou as casas tomadas pelo fogo. Ele então acionou a Polícia Militar do distrito do Guaporé, que registrou a ocorrência. Em seu relato, o autor da denúncia disse também que integrantes do grupo de sem-terra impediram, dias atrás, que um motorista caminhão chegasse à propriedade e
ordenaram que ele retornasse para Vilhena, caso contrário, seria morto.

O caso está registrado para que a polícia tome as providências cabíveis.


Fonte: ROTA POLICIAL NEWS

Deixe seu Comentário